Operação Lei Seca retirou das ruas 761 motoristas embriagados durante a Semana Nacional do Trânsito

Ações de fiscalização e educação foram realizadas em todo o estado

A Semana Nacional do Trânsito, que acontece anualmente de 18 a 25 de setembro, reforça a importância da segurança no trânsito. Neste período, a Operação Lei Seca realizou ações de educação e fiscalização, sempre com a finalidade de salvar vidas e reforçar para a população a mensagem de “nunca dirigir depois de beber”.

Nas blitzes de fiscalização desta semana, 5.179 motoristas foram abordados, destes, 761 dirigiam sob efeito de álcool - o que representa 14,7% do total de abordados. As 62 ações foram realizadas em todo o estado do Rio de Janeiro, de dia e de noite, para evitar acidentes de trânsito provocados pela mistura perigosa do álcool e direção.

Leia também: Chegada da Amazon ao Rio de Janeiro gera expectativa de investimentos

As equipes de educação, compostas por agentes cadeirantes que foram vítimas de acidente de trânsito, realizaram 21 ações nesta semana. Dentre elas palestras virtuais e presenciais em empresas e escolas, além de ações educativas em pontos turísticos e áreas de lazer em vários municípios do estado.

- A Semana Nacional de Trânsito acabou, mas a Operação Lei Seca seguirá firme para combater os acidentes de trânsito provocados pela mistura do álcool e direção. O que temos visto nas ruas não nos alegra, ficamos tristes em perceber que muitas pessoas ainda insistem em dirigir embriagados. Nosso objetivo é salvar vidas, seja através da conscientização da população ou da fiscalização. Queremos um trânsito mais seguro para todos! - reforça o superintendente da Operação Lei Seca, tenente-coronel Fábio Pinho.

Ao longo da semana, a Lei Seca realizou ações em parceria com diversos órgãos públicos com o Detran, o Batalhão de Policiamento em Áreas Turísticas (BPTUR), o Batalhão de Operações com Cães (BAC), a Secretaria Municipal de Ordem Pública (SEOP), a Polícia Rodoviária Federal (PRF), entre outros órgãos.