Número de infectados pela covid-19 no Brasil chega a 8,32 milhões

  • Publicado em Matérias

Em 24 horas, foram registrados 67,75 mil novos casos

Numero de infectados pela covid Itamar Crispim FiocruzO número de pessoas infectadas com o novo coronavírus desde o início da pandemia chegou a 8.324.294 no Brasil. Nas últimas 24 horas (14/01), as autoridades de saúde registraram 67.758 novos diagnósticos positivos de covid-19.

Foi a segunda maior marca do ano, atrás apenas do recorde batido no dia 7 de janeiro, quando foram acrescidas às estatísticas 87.843 confirmações de pessoas infectadas.

O total de vidas perdidas para a pandemia subiu para 207.095. Entre esta quarta e quinta-feira, foram registradas 1.131 mortes causadas pela covid-19. Foi o terceiro dia seguido com novos óbitos acima da casa dos 1.100. No dia 13 o painel do Ministério da Saúde trazia 205.964 óbitos. Ainda há 2.694 falecimentos sendo investigados para averiguar se trata-se de covid-19.

Leia também: Estado, prefeitura do rio e ministério da saúde anunciam regulação única de leitos para pacientes com Covid-19

Os dados foram divulgados na atualização diária do Ministério da Saúde, no início da noite desta quinta-feira (14/01). O balanço é feito a partir de informações sobre casos e mortes coletadas e enviadas pelas secretarias estaduais de Saúde.

Ainda há 777.496 pessoas com casos ativos em acompanhamento por profissionais de saúde, e 7.339.703 pacientes recuperaram-se da doença.

Normalmente os registros de casos e de mortes são mais baixos nos domingos e nas segundas-feiras. O motivo é a dificuldade de alimentação dos dados pelas secretarias de Saúde nos fins de semana. Às terças-feiras, os totais tendem a ser mais altos pelo acúmulo das informações de fim de semana que são enviadas ao Ministério da Saúde.

Estados

Na lista de estados com mais mortes, o topo é ocupado por São Paulo (49.289), seguido por Rio de Janeiro (27.441), Minas Gerais (13.028), Ceará (10.209) e Pernambuco (9.946).

As unidades da Federação com menos óbitos são Roraima (800), Acre (832), Amapá (991), Tocantins (1.294) e Rondônia (1.976). (Agência Brasil)

MEDCOR Exames Cardiológicos